Acusada de adultério é apedrejada até a morte no Afeganistão | br.br101.org

Acusada de adultério é apedrejada até a morte no Afeganistão

A Anistia Internacional soltou hj esta nota denunciando um caso violento de discriminação contra a mulherada no primeiro país "libertado" pelo baby Bush.

Na capital da província de Badakhan (nordeste do Afeganistão), uma moça de 29 anos acusada de adultério foi arrastada pelo marido e autoridades locais até praça pública onde foi apedrejada até a morte.

O sujeito que supostamente comeu a moça recebeu 100 chibatadas e foi liberado. É o primeiro caso deste tipo desde que o Talibã caiu.

A nota da Anistia culpa o governo do presidente Harmid Karzai.

"The case of Amina demonstrates the failure of the Afghan government to protect, ensure and dispense justice, particularly for women," said Amnesty International.

"Religious and customary practices cannot be used as an excuse for violating the fundamental human rights of women."

"The Afghan government has the responsibility of protecting women from violence, committed not only by the state but also by private individuals and groups."

Amnesty International welcomes the promised investigation by the Afghan government into Amina's unlawful death and to bring all those responsible to justice.

The organization calls on the death penalty to be abolished. The case of Amina illustrates the irredeemable injustice of the application of the death penalty.

Na Jordânia, esse tipo de crime tá virando rotina. No quinto caso deste ano um imbecil matou a irmã pq um amigo dele tirou uma foto da moça com a câmera de um celular.

Veja News24.

Comentários

Comente

  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
O objetivo desta pergunta é evitar o envio de spam automatizado.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.

Regras e Regulamentos

Atenção:

Não há censura de opinião nos comentários, mas o vc é o responsável pelo que escrever. Ou seja, aqui vale o Yoyow (You Own Your Own Words).

Lembre-se: Opinião é diferente de informação.

Informações sem fonte ou que não puderem ser checadas facilmente podem ser deletadas.

Serão apagadas sem dó mensagens publicitárias fora de contexto, spam usado para melhorar a posição de sites e outras iniciativas de marqueteiros pouco éticos.

Respeite as regras básicas Netiqueta.

Grosserias desacompanhadas de conteúdo, coisas off-topic e exagero nas gírias ou leet que dificultem o entendimento de não-iniciados tb não serão toleradas aqui.

Vou apagar sumariamente todos os comentários escritos inteiramente CAIXA ALTA, mensagens repetidas e textos que atrapalhem a diagramação do site.

Além de prejudicar, a leitura é falta de educação.

Não publique tb números de telefone, pois não tenho como checá-los. As mensagens com números de telefone serão apagadas inteiras.

Obviamente, qq conteúdo ilegal tb será deletado sem discussão.

Evite também mensagens do tipo "me too" (textos apenas concordando com o post anterior sem acrescentar algo à discussão).

Clique aqui para ver algumas dicas sobre como escrever um texto claro, objetivo e persuasivo.

Todas os comentários são considerados lançados sobre a licença da Creative Commons.

Se você não quer que seu texto esteja sob estes termos, então não os envie.

Enquete

É possível acabar com a violência nas escolas brasileiras?:

Animação 3D usando software livre

As minhas animações usando o Blender 3D e outras experiências. Gostaria de saber o que vc achou e preciso de idéias para as próximas tentativas. Se quiser comentar, por favor, vá até a minha página do YouTube.