Baile Funk e Proibidão: sexo, violência e censura | br.br101.org

Baile Funk e Proibidão: sexo, violência e censura

Imperdível a reportagem do Alex Bellos sobre os Bailes Funk cariocas no Observer.

O repórter traz detalhes impressionantes dos eventos, da música e de alguns personagens do Funk carioca.

Tiros para o alto são uma demonstração de aprovação do trabalho dos DJs durante as apresentações ao vivo...

Aparecer nas letras é um sinal de status entre as personalidades do Comando Vermelho. O destaque atrai a atenção feminina e da polícia tb.

Funk songs used to pay homage to those who had died, but now it is fashionable to namecheck those still alive. Juca is often asked by friends to write lyrics that include their names. 'They like it because being in a song raises your profile. The better you're known, the more girls you'll attract. It's crazy the amount of girls you get if you're in the faction. But there are problems, since by being in a song you are making yourself known to the police.' There are other issues too. A friend of Juca's wrote a song with a list of 30 names. 'That was six months ago. Already 10 of them are dead.'

Bellos traz detalhes impressionantes sobre a influência do tráfico... coisas como o CD "lançado" pelo Comando Vermelho com uma música em homenagem ao Marcinho e ao Elias Maluco (condenados pelo assassinato do repórter da Globo Tim Lopes)...

Even so, Juca knows that he owes his success to the factions. 'The best way to get a break is to sing something that pleases the traffickers. It's sad. I'd prefer to sing about other subjects, like poverty or protest, but no one's interested.' In Juca's case, the Red Command liked '24 Hours' so much that they paid to have it recorded and distributed 1,000 copies of the CD. The lyrics are a tribute to the jailed faction leaders Marcinho and Elias Maluco - who is accused of ordering the death of an undercover TV reporter killed in 2002 while investigating bailes. The story goes that he was sliced to pieces with a Samurai sword.

Como as letras são proibidas pela lei brasileira e como o morador da favela não tem grana para pagar copyright para gravadora, há todo um mercado independente para os "proibidões".

Juca and Paulinho's '24 Hours' is one of the most successful baile funk songs of the year so far. But because it's forbidden, you can't buy a copy legally anywhere in Rio. To get one, you have to pay a visit to Rio's Camelodromo, a chaotic bazaar in the downtown business district that sells everything from cheap clothes to car parts. At a stall selling pirate CDs I ask the owner if he has any 'Proibidão'. He looks at us slightly longer than normal and then fetches a small black plastic bag. He takes out an unmarked CD and, making sure that no one's looking, slips it into a Discman. 'It just came in today,' he says conspiratorially. 'I've almost sold out. It's what everyone wants.' The CD has 33 tracks; they are full of gun noises, threats to kill and obscenities. One song, about the favela Arvore Seca, uses a Dire Straits sample from Brothers in Arms, mashed up and over a heavy beat, with the lyrics 'We're just like Colombia... the bullets will eat right through you'.

O jornalista mostra tb o lado sexual bizarro do Baile Funk descrevendo um show da "Gaiola dos Popozudas, - the Birdcage of Big-Butted Babes" que envolve além das bundas prometidas no nome, anões carregando enormes pênis infláveis.

Not all Rio funk tracks are about violence. There are a lot about sex, too. Out in Acari, on the distant outskirts of Rio, Valeska, the bleach-blonde lead singer of Gaiola dos Popozudas, - the Birdcage of Big-Butted Babes - is teasing the crowd with their hit 'Vai Mamada': 'I'll give you my cunt nice and slow but what I really want is your dick in my asshole,' she sings. Behind her, three girls in skin-tight stage outfits grind out a hypnotically hip-swinging dance routine. Halfway through their 20-minute set, Valeska invites a member of the audience onto the stage. She and each of the dancers take turns to rub their bodies against him. 'Show us your butt,' she shouts, and he bends over. Suddenly, a dwarf dressed as Trinity from The Matrix and holding a giant inflatable penis jumps out of the crowd onto the stage.

O engraçado que a coisa da origem marginal, a produção crua e tosca desperta comparação com o punk e chama a atenção dos europeus... Tem algum sentido, já que punk não é exatamente música tb.

O triste é que os MCs, por terem gravado as músicas com letras pró-tráfico, tem dificuldades legais para entrarem no mainstream... Então os artistas populares responsáveis pelos grandes sucessos do morro carioca ainda precisam ganhar a vida lavando carros ou trabalhando como domésticas. Esse é um bom gancho para discutir liberdade de expressão.

Essas são as músicas de Baile Funk destacadas pelo Bellos:

Rio speedwagon - five baile funk hits

Deize, 'Injeção'

Starts off with mashed-up trumpets sampled from the Rocky theme before Deize's voice - vulnerable, aggressive, sexy - squeals 'aiiiii'. Deize swears the song that inspired M.I.A.'s 'Bucky Done Gun' is about her fear of the doctor's needle, yet everyone understands lines like 'my bum can hardly bear it' are a tribute to anal sex.

Serginho, 'Pocotó'

Serginho, now in his forties, always performs alongside the transvestite Lacraia, with whom members of the audience are encouraged to get on stage and kiss. Serginho's smooth, though stentorian voice sounds fabulous on 'Pocotó', a steroid-enhanced nursery rhyme that uses the rhythm of a galloping horse as the beat.

Cidinho e Doca, 'Rap da Felicidade'

Cidinho and Doca are both from City of God and this track - whose chorus runs 'I just want to be happy and walk peacefully through the favela where I was born' - has become an anthem of youth protest. One of the few tracks that isn't about sex or violence. The subject-matter and plaintive melody are deeply reminiscent of early sambas written about life in Rio's slums.

De Falla, 'Popozuda Rock'n'Roll'

De Falla have done to funk what Aerosmith did to hip hop when they duetted with Run DMC. Samples are replaced by a heavy guitar sound, resulting in a punk-dance classic.

Tati Quebra Barraco, 'Se Marcar'

Tati is the most charismatic of funk's down'n'dirty divas. She's not as plump as she was, having spent some of her earnings on much-publicised plastic surgery.

Atualização

Não tem a ver com o Baile Funk... tô aprendendo a mexer com animação 3D. Gostaria de saber o q vc achou. Idéias e sugestões são muito bem vindas. Se quiser comentar, por favor, vá até a minha página do YouTube.

Comentários

bailes funks em fortaleza foram proibido.

Varias partes do brasil o funk é liberado,só em fortaleza o baile foi proibido,sabe pq a burguesia aqui fala mais alto,infelizmente!

bailes funk

baile funk é cultura. Deixem os funkistas dançarem. Afinal o que resta prá eles ? São oriundos de um povo vencido , de uma raça que não dá prá nada. Não tiveram passado , não tem um presente , e jamais terão futuro.Falaram para eles que baile funke é cultura . Eles gostaram e adotaram . Funk é cultura . É isso aí minha gente . Dancem o funk . É a música que representa a escória . Dancem o funk . Dancem o funk . Dancem. Obrigado . Carlos

funk

ai cara eu nao so funkeiro mais fala que é sem cultura sem nada
sem cultura é a tua mae presta atenção no que vc fala cada pessoa tem direito de ouvi e de dançar o que quiser quem é vc pra fala de uma pessoa dessa forma cara acho melhor vc pensa antes de fala pq sem cultura é a pessoa que ouvi uma coisa e nao da espaço para novas esperiencias retardado

Funk

Ai rapaizada eu não sou funkeiro mas acho algumas musicas muito boa sim, e adoro baile funk só para ver essas lindas gatinhas dançando, parabens a todos os funkeiros...

baile funk

é muito shoow ..

cuidem de vcs!

Se nao gostas de funk nao eskut, nao se meta fique com estas vidinhas idiotas e medilcres que teem vivao 100 anos e apodreçao e vao para o inferno com toda a sua moral e denheiro de merda! Mas deixe o fukero kurtir viver a vida , vcs podem viver o dobro mas nao kurtem a metade que nos kurtimos

nao escutem?

Como agente não vai escutar esse lixo se as pessoas entram no ônibus e colocam essa merda....
Porra todo lugar tem alguém pra fazer vc escuta essa bosta.
Nada contra esses funkeiro que denigrem mais ainda a imagem do nosso país....mas na boa para de por essa merda no busao

funk

Eu adoro funk e kem naum gosta dane-se.Vcs fikam flanu ke soh kem ouve funk eh marginal , pois bem EU NAO SOU MARGINAL .Sou de familha classe media e eles brigam e naum gostam que eu ouça funk + eu naum to nem ai eu adoro funk e GOSTO NAUM C DISCUTI .

fank

ai ta serto vc falou muito bem porque fank é muito bom

O funk nos morros traz uma

O funk nos morros traz uma revolução de utilitáriedade.
Pela primeira vez na história a bomba atomica pode ter uma função útil.

Tudo bem gosto naum se discute,concordo plenamente...

+ vc sabe me dizer o q significa a palavra FUNK??

Funk

só pra quem pode quem naum gostoou me engole.
Kelly santa luzia

O dinheiro compra.

Simplesmente o dinheiro compra a midia que não está preocupada com o conteudo, mas o quanto se pode ganhar.. Por que está crescendo o movimento? É claro, se você colocar uma musica que edifica para 10 pessoas na sua casa e 100 por cento gostar, serão 10 pessoas reflexivas. Daí chega a TV e coloca esses lixos em rede aberta para 180 milhões de pessoas... Se apenas 1(um)por cento aderir nosso trabalho já foi engulido. Infelismente se a TV falar que passar merda na cara é bom, no dia seguinte irá ver um monte de gente fedendo! Sugiro um movimento: desliguem a TV por 1 mês.

Funk

Apenas para esclarecer, esse LIXO que toca aqui no Brasil chamado de funk, não passa nem de longe perto do funk verdadeiro. as pessoas que curtem esse tipo de música não tem qualquer dissernimento "noção" para saber o que é certo ou errado, começa pela escrita, se observar-mos todos que gostam do lixo musical "apelidado de funk aqui no Brasil" perceberemos que não conseguem escrever uma única frase sem erros de português ou vícios de escritas, é óbvio que esse tipo de gente gosta do chamado "funk". afinal é muito facil aprender palavrão e putaria do que ler um livro, estudar para ser alguém na vida, ou escutar uma boa música, seja ela rock, funk (legítimo), blues, reagge, MPB, e outros estilos.

Enfim, o que quero esclarecer, é que a grande maioria das massas que curtem esse "funk" não tem qualquer perspectiva de vida e jamais terão um futuro decente na vida, melhor para quem for mais espertos, estudar, aprender sobre cultura musical etc., que consequentemente vai ter destaque entre os melhores...

É a moda....

Quem não gosta de Funk,so lamento!!!
Felizmente é a moda,se não gostou....
ENGOLI****

100% Funk....

cara eu do mto risada com as frustrações dos funkeros

Realmente o funk ta na moda sim, ta na moda entre os traficantes, ladroes, sequestradores, estupradores e pedofilos, concluindo, ta na moda nos guetos, favelas e periferias. o dia q acharem um funkero q prste vcs podem ir na midia e mostrar née Hehe xD e quem tem q lamenta eh nois por existir gente burra q dao valor a essas coisas Só lamentos aos funkeiros q alias podiam ser pegos jogados num saco e tacá fogo neh ooo blz

Liberdade de expressão ou de opressão?

Liberdade de expressão não é o mesmo que fazer apologia ao crime ou desrespeitar as pessoas. Você acha mesmo que músicas que enaltecem o tráfico, o assassinato, a violência doméstica e nas ruas e o estupro devem ser tratadas apenas como um problema de liberdade de expressão? Essa é só a ponta do iceberg, não vê quem não quer.

Crent

cada um pode ouvir o que quiser e frequentar onde quiser, mas o chato é que o pessoal passa ds limites, além e querer ouvir a p... da música eles querem que os outros ouçam... ligam no último volume uma música carregada de palavrão e saem por aí com os caros no último volume.

Se gosta,poe um fone de ouvido e vai ouvir, mas nõ queira que todos saibam do que vc gosta para se mostrar.

Fank e cultura.

O mal prevalece na terra; Vejamos, Hitler, quantos morreram por causa desta idéia, Bush, quantos morreram por causa desta ideia, comunismo, quantos morreram por causa desta ideia, agora Fank é cultura, quantos terão ainda que morrer por causa desta ideia.

Fank?

Educação, quantos vão morrer pela falta dessa idéia? É F-U-N-K companheiro...

Educação?

Mais fácil um funkeiro morrer do que um cara civilizado tomar chumbo (exceto balas perdidas, que os "deuses" do funk atiram para onde e qualquer lugar)

educaçao

A morte quando vem nao quer saber de que gostamos, nem classe social,

funk

ola! meu nome é rayani e eu estou aqui pra dizer q eu curto muito muito mesmo o funk aqueles q ñ gostam q se dane pois se ñ gosta eles escutam pra q ñ é verdade ???? eu gosto d todos os tipos d funk , + pra falar a verdade aqueles muito pesadão ñ ligo muito + curto do mesmo geito então é isso so vim aqui da meu comentario bjss pra todos se divertamm ouvindo o funk pq a batida é ótima.....

pra rayane

E isso ai rai to contigo e nao abro.

Misericordia

viu queridinha a gnt eh obrigado ouvir pq essa raça maldita sai com esses lixo no ultimo volume eh logico q a gnt nao sai baixando essas porcarias q vcs sao chamam de musika se toque guria

Funk

Gosto do verdadeiro funk nao estas merda que insintar a violencia, a te sexo com crianças e abusa das mulheres... cada dia tem mais funk que ser refere a abusos de mulheres e crianças... e todo mundo danzando e canta tal barbaridade como algo normal... gente nao e normal nao me diga que uma musica diga que gosta de menina novinha com a buseta aperta isso nao é funk isso e pedofilia... ACORDA BRASIL ACORDA CARIOCAS,, DEPOIS DO TRAFICO DE DROGAS NO RIO O QUE MAIS DAR DINHEIRO É A PROSTITUIÇAO INFANTIL... QUÉM CONTROLA O FUNK E AS TRAFICOS DE DROGAS E PROSTITUIÇAO INFANTIL SAO OS TRAFICANTES... DIGA NAO A FUNK LIXO...

Fank

Ola eu sou lorenna tenho 11 anos sei o q e muito bem fank ta ai quem quizer levar a vida para o fundo do posso "trafico prostituiçao " e por que quer fazer isso mas essa pessoa que fala q fank e ruim nao e nao e muito bom deixe essa pessoa falar sozinha vamos curtir a vida q tem muitas coisas boas pela as nossas vidas beijos+nunca deixem q as pessoas falem q fank e coisa de putaria ass:lorenna s.r.de lima

moreira comentando o funk

Baile e musica,,,,que não tem nada a oferecer ,,,,musicalmente é uma verdadeira porcaria,,,,,eu passei algum tempo ouvindo isso ,,,confesso que é pior que tortura,,,letras medonhas,,,os cantores se é que pode chamar esses semi-analfabetos de cantores ,,,,,acredite eles não conseguem pronunciar alguma palavra racível...e os bailes,,,,,uma multidão de bandidos misturados a uma enorme porção de putas....isso é o tal funk carioca:

tosta amando o funk

nao e porque curtimos funk somos maginais e puta
funk e pra quem tem cultura se vc nao gosta
deixa quem gosta se divertir
eu amo funk
o funk corre em minhas veias
sou e seirei funkeira até morrer e
nao vai ser um monte e besteira que esse
povinho ridiculo que vai muda nossa maneira de agir e de pensar
FUNK ATÈ MORRER!!!

Euri#

sessao grandes abobrinhas Funk eh cultura? ah sim eh cultura p povinho inuteis de vcs. Nós ridiculos? sem comentarios e nos nao queremos mudar a maneira de agir e pensar de vcs pq oq vcs gostam tanto faz p gnt a raça de vcs eh indiferente p nós e problema teu se vc eh funkeira e sempre sera a puta aqui eh vc nao nós. É uma pena q exista esses tipos de mulheres p envergonhar a nação femenina bjosmeliga

funk

olha rayani meu nome é gabriella concordo com vc eu adoro funk e adimiro muito quem curti funk não é tudo isso que as pessoas falam funk é muito louko divertido so quem escuto e gosta sabe o quanto funk é cultura e faz parte da nossa vida essas pessoas diz que quem fala que funk é cultura não sabe nada sobre a vida mas dane-se esse povo kd um gosta de uma coisa ninguem pode mudar ninguem por isso que deus fez cada um de um geito imagina se todos fossem do mesmo jeito que chatisse que seria isso eu não importo se fala muita besteira pra mim funk é funk no meu sangue corre funk se as outras pessoas achar ruim o poblema e delas mas deixa que da minha vida cuido eu .......adorei vc rayani

funck

Queiram desculpar-me os verdadeiros artistas, não estou generalizando, mas têm muita gente tentando cantar palavrões ( tentando sim, pois não sabem sequer expressar-se com o português brasileiro e correto, assassinam nosso idioma, não conhecem as regras para produzir arranjos musicalmente corretos, e infelizmente seduzem os nossos jovens, aqueles que não tiveram uma família com pais capazes de lhes dar uma educação que preserve os valores da disciplina e da verdade de Deus, que conduz primeiramente a paz, e segundo à condição de cidadão de bem).
PENSEM NISSO, e produzam um funck artístico, que possa ser ouvido no lar de qualquer cidadão, que possa ficar para a história da música brasileira.
PENSEM NISSO
Fiquem na Paz
Zazy

Apenas a banalidade é levada a serio?

Não precisa estudar música para perceber que em muitos "cantores" deste estilo não há afinação e harmonia.. Melodia é trocada por gemeção.. A batida é repetitiva e massante. Só não vê quem não quer. Para tocar num restaurante ou bares noturnos você precisa ter um bom e variado repertorio e até carteira de músico. Tudo isso pra ganhar uma merreca e aguentar a casa lotada e só o dono ganhando dinheiro. Então a solução e arrumar um emprego.. Ok, vamos lá: têm experiência? curso técnico ou faculdade? Corte o cabelo e use gravata... O salário? R$500,00 a R$1000,00 + condução lotada com gente ouvindo essas baboseiras num celular potente feito "manés da tv"! E vc diz que isso é liberdade de expressão? Eu digo: 1º Isso não tem expressão. 2º a sua liberdade termina onde começa a minha.. Ninguém que gosta de bolero ou rock por exemplo pode sair obrigando todo mundo ouvir isso em onibus ou trens.
Bom, ao chegar em casa e ligar a TV o cidadão não tem nem direito de ouvir um "músico" ou autor com o minimo de qualificação profissional para estar num programa ou rádio e ganhar muito dinheiro.. A sociedade exige muito de nós mas a propria "porta-voz" e representante desta sociedade, ou seja, os grandes canais de comunicação, passa gente sem tais critérios. E dá-lhe artistas de microondas.. E dá-lhe artistas feitos em BBB.

seus besta

funk e demais ainda mas guando as gostosas esfregam suas xanas na gente a gente mada ver por isso eu digo a todos funk e demais eu quero e mais e dançar 1000% e pra os otarios que nao gostam vao se fudir bixas vao da cu pora, por que nao gosta de uma xana dançente e uma bixa falei ;;;;;;;;;;;;

aff

Na verdade, esses caras q vc chama de bixa sao os homens de verdade q desvalorizam as mulheres vulgares desse tipo. Esses homens sao realmente homens e nao sem vergonhas e tarados q nem vcs. Esses homens gostam de mulheres q se valorizam e nao de putas. Geralmente esses homens eh os q se dao bem na vida e tem a admiração de todas as mulheres (to falando mulheres e nao vadias)

funk-se na diciplina.

quero dizer ao ''iovarde anonimo'',que nem tds as mulhers que estao ou freguentam bailes sao tao promiscuas e vulgares como ele retrada quando faz o infeliz comentario da genitaria ''dançante'',em qualquer ritmo existem aquelas mulheres mais faceis nao é só no funk,alias existem danças mas isinuantes e excitantes,agora se vc meu filho vai so nessa intençao ...vc deve ser muito feio,inculto de verdade e pobre...mas pobre de espirito pq nao sabe escrever,nem sabe cm se referir as mulheres,certamente é dessa forma q vc gostaria q tratassem sua mae e suas irmas se tiver.vc é pa te ti coooooh.babaca. se liga.karioquinha funkeira,sim.

Lixo atrai ratos

Aprendizes de estuprador e abusador sexual que nem você merecem mesmo a alcunha de covardes - São como cachorros e não seres humanos. Humanos tem respeito pelas suas fêmeas, cachorros é que fazem sexo apenas por fazer... Otários são os caras que passam a vida abusando das minas, juntando quantidade e não vem que lá na frente, provavelmente acabem apaixonados e nas mãos de uma destas "novinhas" que eles mesmos transformaram em verdadeiras putinhas...E depois não querem levar chifre... Que hipocrisia! E temos legiões de covardes anônimos por aí, infelizmente... Agora, quem não sabe que o lixo atrai os ratos

Funk

Sou carioca mas não curto funk. são letras absurdas, batidas totalmente eletrônicas os ¨mcs¨ são ridículos cantando.
Pelo amor de Deus!!!!! Parem de falar que funk é cultura!!!!!
Quem fala essas palhaçadas nunca tocou um violão não entende nada de musica!!!
Concordo que as pessoas que vão para balada vão se divertir ou melhor vão para zuar prefiram o funk, pois é o melhor lugar para achar tudo q vc possa imaginar!

Concordo com vc...

eu odeio funk e não vejo cultura nenhuma e além do mais parece que só gostam de funk a classe rejeitada da sociedade,uns semi analfabetos que nem sabem o que estam cantando.
falow

cala aboca

cala a boca vç ñ sabe de nada

nada a vê

minha vó e professora de portugues e
curti funk analfabetos sao vcs que falao sem saber
vcs sao um bamdo de mal informados e iprocritas
vai enventa outra desculpa essa nao colou
ass:elaine

eu adoro um funk proibido!

eu adoro funk....
gosto muito d' curti quando estou com os amigo numa balada, ou na caxaçada!.
tenhu turma de amigos q fazemos festa so com funk proibidos!
adoramos achamos muito show!

quem não gosta q morra!
kkkkkkkkk

Funk

Muitas das pessoas que postaram comentários aqui foram dizendo logo de cara que funk não é música e sim lixo.
A questão , é que não é bem assim ; não podemos generalizar.
Claro que existem os funks que carregam na letra só pornografia , mas ao mesmo tempo existem os funks que retratam a realidade dos cidadãos brasileiros pobres.
É claro que pra muitas pessoas , funk é lixo , afinal , quem gosta de enxergar o lado ruim da vida não é ?
Quem é que se importa com a rotina das pessoas que moram nos aglomerados ? E com a dos que moram até mesmo na rua ? E com a dos pobres que se drogaram mas conseguiram se livrar disso ?
Sim , todas essas rotinas são retratadas nas letras de muitos funks.
Mas é muito mais fácil pra pessoas falarem sem se aprofundar no assunto.

Paloma Nívia.

funk

este( fank). carioca é apenas a expressão, de plays e patis que se acham participantes de ideologias de massas oprimidas, totalmente sem noção sobre a finalidade do verdadeiro soul funk, que surgiu para que a musicalidade negra fosse ainda mais difundida, a exemplo de bob marley.

"lado ruim da vida"?

meu caro amigo! o problema não esta no funck em si, e sim nos que se sobresaem. ou seja, seria muito bom se o que tivesse voz na midia fosse esses que falam da realidade, mas isso não acontece. de todo funck que se ouve, mais de 90% é: a pornografia ,a apologia as drogas, a libertinagem, a sacanagem, a traição, a inrresponsabilidade entre outros, infelizmente.

Funk é com U colega :)

Primeiramente, se você que tá ai defendendo o estilo de música FUNK deveria saber escrever antes de vir enviar um comentário. Já se nota a bela cultura que o funk transmite mesmo, deixa as pessoas analfabetas! Eu ouço, mas ouço os funks que não tem esses lixos nas letras! Não vejo como vocês querem transformar a imagem do Brasil se a reputação que vocês passam é de putaria, pois é o que ocorre nesses bailes em que, precisamente, não deveriam estar ouvindo músicas desse porte.
Um país que tem funk do tigrão não vai vencer quem tem mozart! Agora se você gosta de ouvir essas músicas com apelações, ouça pra si mesmo, mas saiba que isso não da futuro algum! De uns tempos pra cá tudo tem mudado, por onde passo vejo adolescentes da minha idade ao som desses funks proibidões fumando e bebendo!
E pra você que disse que os caras que cantam o funk desse tipo não tem liberdade de expressão, eu digo uma coisa, a sua liberdade termina aonde começa a do outro! Se o cara quer ganhar dinheiro faça um funk descente, que possa tocar nas rádios, que todos possam dançar ao ouvir. Que ao invés de cantarem SOLTA ESSA PORRA, cantem SOLTA O SOM!
Pela amor, o Brasil não precisa de funk assim. Isso serve pra qualquer outro ritmo que também toque lixo!
Não tenho nada contra por que eu tambén ouço funks sem besteira, mas se você quer poluir seus ouvidos com pura bobeira, polua! Só não venha querer dizer que funk ensina algo por que não ensina, e pense que em todos esses bailes rolam drogas, bebidas, tiroteios.

Carol Ferraz :)

como ir no embalo

eu gostari de saber como ir no embalo do baile funk?

.

Mas ninguém está satisfeito com NADA mesmo, se as pessoas escutam funk já vão falar que é música de favelado, de gente vagabunda;
Setanejo é música de corno;
Música de igreja a pessoa é fanática;
Se vai pra rave também não presta que só tem drogas que a música não tem nem letra;
Se escuta MPB, bossanova é chamada de antiga;
Se escuta pagode é vagabundo, que só bebe e fica em bar

Acho que cada um tem seu estilo, quem tem gostar ou não é VOCÊ mesmo!
Mas tem gente que tem o direito de privar seus ouvidos, seus filhos e família de tanta palavra HORRÍVEL.
O funk devia ser só com as letras sem putaria, só os da antiga mesmo!

Por: Ana Clara (de novo, rs..)

Órgão genital masculino

Vc que escreveu em 01/04/2009!

Quando eu xingo, não uso palavrão...
Palavrões são palavras ofensivas, pejorativas e agressivas... Palavras que deveriamos ter vergonha de pronunciar, principalmente para não expor nossas crianças e poder dar a elas uma educação de verdade, onde as pessoas se respeitam e não se agridem, e onde o sexo é coisa séria, tratada por adultos que sabem que devem proteger as crianças e adolescentes deste tipo de coisa... Temos que quebrar alguns tabus... Por exemplo, quem disse que ser virgem é vegonhoso... Adulto que faz sexo com crianças e adolescentes e pedófilo, e os adolescentes que fazem sexo com crianças e adolescentes são o que... E o funk da forma como é não é um forte estimulo para os jovens fazerem sexo antes do tempo, pois para tudo há um tempo, e por errar o tempo se paga um preço muito alto, é isso que esta acontecendo!
Nada contra o funk, valeu! Só acho que certas letras de cunho claramente erótico são para adultos... Fui...

Já dizia o velho ditado:

Já dizia o velho ditado: Gosto não se discute. Se gosta de funk, ou não gosta, isto não interessa. Desde que a pessoa se sinta bem com aquilo, NINGUÉM pode vir enfiar goela abaixo as suas crenças.

Comente

  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
O objetivo desta pergunta é evitar o envio de spam automatizado.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.

Regras e Regulamentos

Atenção:

Não há censura de opinião nos comentários, mas o vc é o responsável pelo que escrever. Ou seja, aqui vale o Yoyow (You Own Your Own Words).

Lembre-se: Opinião é diferente de informação.

Informações sem fonte ou que não puderem ser checadas facilmente podem ser deletadas.

Serão apagadas sem dó mensagens publicitárias fora de contexto, spam usado para melhorar a posição de sites e outras iniciativas de marqueteiros pouco éticos.

Respeite as regras básicas Netiqueta.

Grosserias desacompanhadas de conteúdo, coisas off-topic e exagero nas gírias ou leet que dificultem o entendimento de não-iniciados tb não serão toleradas aqui.

Vou apagar sumariamente todos os comentários escritos inteiramente CAIXA ALTA, mensagens repetidas e textos que atrapalhem a diagramação do site.

Além de prejudicar, a leitura é falta de educação.

Não publique tb números de telefone, pois não tenho como checá-los. As mensagens com números de telefone serão apagadas inteiras.

Obviamente, qq conteúdo ilegal tb será deletado sem discussão.

Evite também mensagens do tipo "me too" (textos apenas concordando com o post anterior sem acrescentar algo à discussão).

Clique aqui para ver algumas dicas sobre como escrever um texto claro, objetivo e persuasivo.

Todas os comentários são considerados lançados sobre a licença da Creative Commons.

Se você não quer que seu texto esteja sob estes termos, então não os envie.

Enquete

É possível acabar com a violência nas escolas brasileiras?:

Animação 3D usando software livre

As minhas animações usando o Blender 3D e outras experiências. Gostaria de saber o que vc achou e preciso de idéias para as próximas tentativas. Se quiser comentar, por favor, vá até a minha página do YouTube.